A mentira

A mentira tem muitas faces:
Ela é humanista.
Ela também é incrédula, cética, ateísta… e ao mesmo tempo, a mentira diz que todos os caminhos levam o homem a Deus e a verdade. Mas isso é mentira (aliás, dizer isso é a cara dela).
A mentira não é burra, mas ela nos faz ficar “burros” e ignorantes…
Ela é inteligente o suficiente para se disfarçar de uma “verdade”.
Ela finge muito bem… se disfarça… mente.
É por isso que o nome dela é: mentira.
De onde ela veio? Onde será que ela nasceu?
Quem será o pai dela? Ela é filha de quem?
Quem foi que a criou, que “a viu crescer”, para que ela fizesse tudo isso?
A resposta está na Palavra de Deus.
 
Jesus disse aos fariseus (João 8.42-44):
“Replicou-lhes Jesus: Se Deus fosse, de fato, vosso pai, certamente, me havíeis de amar; porque eu vim de Deus e aqui estou; pois não vim de mim mesmo, mas ele me enviou. Qual a razão por que não compreendeis a minha linguagem? É porque sois incapazes de ouvir a minha palavra.
Vós (fariseus) sois do diabo, que é vosso pai, e quereis satisfazer-lhe os desejos. Ele foi homicida desde o princípio e jamais se firmou na verdade, porque nele (diabo) não há verdade. Quando ele profere mentira, fala do que lhe é próprio, porque é mentiroso e pai da mentira”
 
Pois é, a mentira é “filha” do diabo… nasceu e veio dele.
Ser liberto pela Verdade é sair do domínio da mentira.
É sair do domínio da ignorância espiritual.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: